top of page

Oppenheimer | Christopher Nolan alerta sobre as 'possibilidades terríveis' do uso de IA

Temos que começar a responsabilizar as pessoas.

Christopher Nolan expressou cautela sobre a inteligência artificial após uma exibição especial de “Oppenheimer”, fazendo uma comparação entre a tecnologia em rápido desenvolvimento e seu novo projeto dramático sobre a criação da bomba atômica.


As observações de Nolan foram feitas durante uma conversa após uma exibição prévia de “Oppenheimer” em Nova York. Moderado pelo âncora de “Meet the Press”, Chuck Todd, o painel incluiu Nolan, bem como o diretor do Laboratório Nacional de Los Alamos, Dr. Thom Mason, os físicos Dr. Carlo Rovelli e Dr. Kip Thorne, além do autor Kai Bird, que co-escreveu “American Prometheus: The Triumph and Tragedy of J. Robert Oppenheimer”, no qual o filme de Nolan é baseado.


“O surgimento de empresas nos últimos 15 anos usando palavras como algoritmo – sem saber o que elas significam em qualquer tipo de sentido matemático significativo – esses caras não sabem o que é um algoritmo”, Nolan compartilhou na exibição. “As pessoas na minha empresa falando sobre isso, elas simplesmente não querem assumir a responsabilidade por tudo o que esse algoritmo faz.”

“Aplicado à IA, essa é uma possibilidade assustadora. Aterrorizante”, continuou Nolan. “Até porque os sistemas de IA irão para a infraestrutura defensiva em última análise. Eles estarão encarregados de armas nucleares. Dizer que é uma entidade separada da pessoa que maneja, programa, coloca essa IA em uso, então estamos condenados. Tem que ser sobre responsabilidade. Temos que responsabilizar as pessoas pelo que fazem com as ferramentas que possuem.”


O novo filme de Nolan reconta como J. Robert Oppenheimer foi convocado pelas potências militares dos EUA para desenvolver a bomba atômica durante a Segunda Guerra Mundial. Cillian Murphy interpreta o físico teórico, liderando um elenco que inclui Emily Blunt, Matt Damon, Robert Downey Jr. e Florence Pugh.


Os comentários de Nolan ocorrem quando a indústria do entretenimento está quase paralisada, com o SAG-AFTRA ordenando uma greve na quinta-feira para se juntar aos membros do WGA nos piquetes. Entre inúmeras outras divergências com os estúdios, uma questão primordial para ambos os sindicatos é a questão da IA ​​e seu potencial impacto existencial nas práticas trabalhistas na indústria do entretenimento.

“Com as disputas trabalhistas acontecendo em Hollywood agora, muitas delas – quando falamos sobre IA, quando falamos sobre essas questões – todas nascem da mesma coisa, que é quando você inova com tecnologia, você temos que manter a responsabilidade”, afirmou Nolan.


“Você acha que vamos continuar reexaminando Oppenheimer? À medida que nossa compreensão da física quântica continua, à medida que continuamos domesticando o átomo”, Todd perguntou em um ponto do painel.


“Espero que sim”, afirmou Nolan. “Quando falo com os principais pesquisadores no campo da IA ​​agora, por exemplo, eles literalmente se referem a isso – agora – como seu momento Oppenheimer. Eles estão olhando para a história para dizer: 'Quais são as responsabilidades dos cientistas que desenvolvem novas tecnologias que podem ter consequências não intencionais?'”


“Você acha que o Vale do Silício está pensando nisso agora?” Todd interveio. “Você acha que eles dizem que este é um momento Oppenheimer?”


“Eles dizem que sim”, disse Nolan após uma pausa e depois riu. “É útil que isso esteja na conversa e espero que esse processo de pensamento continue. Não estou dizendo que a história de Oppenheimer oferece respostas fáceis para essas perguntas, mas pelo menos pode mostrar onde estão algumas dessas responsabilidades e como as pessoas respiram e pensam: 'Ok, qual é a responsabilidade?'”

Dr. Geoffrey Hinton

Em um artigo publicado pelo New York Times em maio, o pioneiro da IA, Dr. Geoffrey Hinton, lamentou o trabalho de sua vida. O trabalho de Hinton na Universidade de Toronto lançou as bases para o investimento da indústria de tecnologia em inteligência artificial generativa, que alimenta chatbots como o ChatGPT.


“Eu me consolo com a desculpa normal: se eu não tivesse feito isso, outra pessoa teria feito”, disse o Dr. Hinton ao Times. “É difícil ver como você pode impedir que os maus indivíduos o usem para coisas ruins.”


A Universal Pictures está lançando “Oppenheimer” nos cinemas brasileiros em 20 de julho.


Confira o painel de Oppenheimer pela NBC com Chistopher Nolan abaixo:

Fonte: Variety

Siga nossas redes sociais e inscreva-se em nosso Canal no Youtube!

Twitter: @realcanalbang

Instagram: @canalbangoriginal

0 comentário

Comments


bottom of page